Quando você se apaixona por um lugar pra onde ninguém quer ir, Lagos – Nigéria!


Desde que entrei no avião, vi aquelas pessoas com such a good vibe, such a big smile on their faces…. Fiquei maravilhada, que delicia de energia!
Quando vi Lagos – Nigéria na minha escala, não me perguntem o pq, mas fiquei SUPER feliz, ao contrário de todas as recomendações que recebi, pra não sair do hotel, não fazer isso ou aquilo, por ser um lugar perigoso, eu só queria sair, ir pra rua, ver gente… Sabia do risco que poderia correr, e claro que eu não colocaria minha vida em perigo, não sairia sozinha, AMO minha vida de paixão e cuido muito bem dela 🙂
Mas de ver as pessoas com quem eu estava trabalhando naquele voo, só me deu mais vontade ainda…
Tinham que ver o colorido das roupas, era fabulous! (tanto que comprei pra mim, que já vou contar jajá)
Well, chegando lá, fiquei um tanto chocada com a precariedade do aeroporto.. Simples, antigo, um pouco sujo e sem tecnologia alguma… E sem ar condicionado também…
Como a Ebola está se espalhando pela África, quando chegamos tivemos que preencher um formulário sobre saúde e algumas perguntas sobre os países por quais passamos no último mês e tudo mais, depois disso, tivemos a temperatura checada and that’s it… Saúde em ordem, é só entrar 🙂
Eles não tinham computadores nem scanners pra registrar o passaporte, era tudo feito através de um caderno, SIM, um caderno, desses de levar pra escola.. Colocamos o nome, assinatura e nosso número de staff… Welcome to Lagos, simples assim 🙂
O ônibus que nos leva do aeroporto até o hotel, é escoltado por seguranças armados, de cara foi um choque, mas rapidamente me acostumei…
Durante o caminho, vi de tudo, gente vendendo comida em grandes “badejas” amarradas na cabeça, a população batendo em um policial não sei por qual motivo, do outro lado, policiais “invadindo” um carro, e também, construções enormes, casas aparentemente de gente com muito dinheiro…
Os portões do hotel estavam fechados e também com seguranças armados… Bom, claro que abriram os portões pra nós 😛
O hotel era uma graça, quarto bem arrumadinho, bem limpo, NADA a reclamar… Ah, mentira, tenho sim… A comida era um pouco apimentada e não sou muito fã, mas eu é que não tive sorte de escolher os pratos certos…
As pessoas que trabalham no hotel são SUPER amigáveis, felizes, divertidas… Sabe quando você vê todo mundo trabalhando com gosto? Foi assim…
Duas moças na recepção fizeram a gentileza de ligar pra uma pessoa pra nos levar dar uma volta, com segurança 🙂
Eu estava fascinada pelo fato de não voltar pra Dubai sem uma roupa africana, colorida e alegre…
Ele nos levou um em “mercado” onde tinham de tudo, desde sapatos novos ou usados, frutas, roupas , mandioca frita na hora, e carne empilhada no meio da rua… Sim, eles vendem e compram assim, um tanto diferente e anti-higiênico, não? Mas infelizmente é assim que as pessoas mais simples vivem por lá…
Existem também Shopping Malls como os que nós estamos acostumados, mas são poucos e pequenos…
Nesse “mercado” encontrei uma preciosidade, uma pequena loja, siiiimples de tudo, vendendo tecidos liiindos! E o melhor, havia uma costureira por lá, que se prontificou a fazer uma saia que eu queria…. O problema é que ela disse que ficaria pronto em uns 3 ou 4 dias, então expliquei pra ela que iria embora no dia seguinte, e acreditem, ela disse que trabalharia a noite toda pra fazer pra mim… Fiquei pensando depois.. Será que ela se ofereceu pq queria ser legal ou pq precisa de dinheiro? Infelizmente acho que a segunda opção é a que mais se encaixa… Pois bem, ali mesmo, praticamente no meio da rua ela tirou minhas medidas, escolhemos o tecido e os modelos… Lá, eu só poderia comprar a peça de tecido, que era um tanto grande, então ela fez pra mim uma saia MARAVILHOSA e uma bata DIVINA… Com o que sobrou, ela me fez um “pano” de enrolar na cabeça pra fazer o style deles… Sinceramente fiquei com um pouco de medo pq paguei metade adiantado, mas medo de que não desse tempo, não medo de que levaria um “calote”… No final das contas, deu tudo mais que certo…. Na manhã seguinte nosso “segurança” foi lá buscar pra mim e trouxe no hotel… Fiquei tão apaixonada que já corri pro meu quarto pra provar… A costura muito bem feita, o corte muito bom, fiquei impressionada com a qualidade e comprometimento… O engraçado foi tirar fotos pra minha mãe e ela querer também… Pena que já não tinha mais tempo, mas com certeza vou comprar mais quando passar por lá novamente… Não tenho fotos boas das roupas (só uma que tô postando pra ter uma idéia), não vou tirar outras agora que acabei de voltar da aula de yoga e estou ACABADA, mas amanhã eu tiro e posto pra vocês, são de b.a.b.a.r 🙂

1

2

Esqueci a tampa do vaso sanitário aberta, foi mal! HAHAHAHAHAHAHAHAHA….

3

4

5

Nosso querido segurança que eu já não lembro o nome 😦 Mas sei que começava com “C” 🙂

6

7

8

9

10

11

12

13

Gente, e o tamanho dessa saia que encontramos nos Shopping??? hahahahaha
Pras africanas de popozão!

14

15

16

Tecido maravilhoso, amor a primeira vista!
Mal posso esperar pra montar um look com a saia longa pra vocês verem que MARA que ficou ❤

17

18

Voltar pra casa é sempre bom, mas sabe o que tem de melhor vindo por aí?
Mais Africaaaaa! Depois de amanhã estou indo pra Tanzania, can’t wait!

Fiquem de olho 😉

Beijãooo e greeeat vibes from Africa pra vocês :*

AAAAAAH GENTE, MAIS UMA COISA QUE IA ME ESQUECENDO…
Normalmente, durante a viagem não tenho muito tempo pra escrever um post como esse, mas vcs podem acompanhar tudo no meu Instagram: @buacedo